História da Integração Estrutural

Ida Rolf começou a trabalhar manipulando corpos em busca de saúde e bem estar  nos anos 20. Foi através de sua experiência que desenvolveu um  método de trabalho que veio ensinando a discípulos particulares, desde então.  Nos anos sessenta, já bastante conhecida pelos Estados Unidos e Inglaterra, foi convidade a ensinar seu método em Esalen, Califórnia. No início ela chamou esse método de Integração Estrutural, mas com o tempo os alunos começaram a referir-se a ele, carinhosamente como Rolfing.

Em 1973 formalizou uma escola para ensinar sua metodologia,  criou o Rolf Institute que patenteou  o nome  Rolfing  que era o mais popularmente conhecido, embora a própria Dra. Ida Rolf preferisse Integração Estrutural por considerá-lo mais explicativo . Também considerava que o nome Rolfing não sobreviveria a sua pessoa e queria que seu trabalho sobrevivesse.

Por ocasião de sua morte em 1979, o Rolf Institute já era uma escola com um fluxo de classes e estudantes e um corpo docente de cerca de 10 professores, todos escolhidos por ela própria, para ajudá-la e ensinar sua metodologia.  Esse instituto continuou funcionando após sua morte a te 1990 quando houve uma cisão importante. O primeiro professor  escolhido por ela desligou-se do Rolf Institute e criou uma nova escola, chamada Guild for Structural Integration,  dedicada a manter os ensinamentos originais de Ida Rolf, que vinham sendo modificados na organizaçcão original, ao sabor do professor responsável.  Diluía-se assim o Legado de Ida Rolf e essa nova escola foi criada para evitrar isso. 

No primeiro ano de funcionamento dessa nova escola,  3 outros professores do Rolf Insitute demitiram-se de lá e vieram juntar-se à Guild.  O Rolf Institute tentou embargar judicialmente  o funcionamento dessa nova escola, baseado no uso da patente do nome Rolfing que lhe pertencia. Na defesa a Guild mostrou que o nome Rolfing havia se tornado genérico  denominando  esse tipo de abordagem corporal. No final dos trâmites legais, as duas escolas fizeram um acordo, pelo qual o Rolf Institute pagava uma quantia  estipulada pelo juiz à Guild e esta não voltaria a disputar o termo.

Até 1990, quando da cisão, já havia 2 escolas fundadas por seguidores da Dra. Ida Rolf, ensinando uma versão  própria  do Método  de Integração Estrutural.

A partir de 1990 muitas outras escolas foram criadas nos Estados Unidos e no mundo,  para ensinar o método de trabalho criado pela Dra. Ida Rolf, e todas denominam o trabalho por Integração Estrutural  e associam esse nome ao de Ida Rolf.

Em  2002 foi criada a International Association of Structural Integrators IASI  que batalha pelo reconhecimento da Integração Estrutural como uma profissão com seu espaço próprio na área da Saúde. Atualmente 18 escolas são reconhecidas no mundo como formadoras de Integradores Estruturais reconhecidos por essa associação.  Elas são as seguintes:

Australian School of Applied SI & Somatic Studies
Biodynamic Structural Integration
Core Institute - Structural Integration Program
The Guild for Structural Integration
Hellerwork®, International
Institut für Strukturelle Körpertherapie
Institute for Structural Integration
Institute of Structural Medicine
International Professional School of Bodywork
International School of Structural Integration
Kinesis Myofascial Integration - KMI
Mana Integrative Therapies
New School of Structural Integration
Northwest Center for Structural Integration
The Rolf Institute® of Structural Integration
The School of Integrated Therapies – SI Program
Soma Neuromuscular Institute®
Structural Innovations - SI Program